Love’s work

Chadi é estudante de electrotécnica e vive em Xai Xai, capital da província de Gaza (Moçambique).

Um dia, ia a caminhar na rua, quando viu passar uma criança da 7a. classe com um exemplar do livro “A Formiga Juju na Cidade das Papaias”.

Um conto de Cristiana Pereira, ilustrado por Walter Zand

Manifestando sintomas próprios de leitor compulsivo, negociou com ela e adquiriu o livro em troca de “algumas moedas”.

Gostou tanto da história que decidiu escrever-nos para o endereço que aparece na orelha – formigajuju@gmail.com – a pedir mais histórias da Juju.


Numa troca de correspondência, acrescentou então uma nota que muito nos tocou:


“eu sou qem agradece imensamente pela criatividade talento tecnica e sobre td love’s work” 

Hoje, logo pela manhã cedo, falámos pela primeira vez ao telefone e imediatamente nos reconhecemos como formigas. As formigas têm uma chama na voz – a chama da espontaneidade – que não precisam de esconder. Falam directamente do coração, sem medo do disparate ou da reacção. 

É bom saber que temos formigas espalhadas pelos quatro cantos do mundo: Maputo, Lisboa, Luanda, Macau, Dili, Nampula, Lichinga, São Paulo, Songo, Ibo, Lancaster e agora… Xai Xai!


Chadi assina assim os seus emails: “I’m a dreamer”… Nós também! 😉

Deixe uma resposta

Comments flagged as spam will not appear until reviewed.

P.S. Your email address will not be shared or published.